2011_Assembleia_Saomiguel8_fotos_douglas_mansur


Estamos num tempo em que a mídia tem, no processo social, uma amplitude outrora inimaginável. A Igreja, enquanto vida prática das comunidades cristãs, tem muito a aprender para lidar com tantos instrumentos que podem ser utilizados para cumprir melhor a sua missão de levar ao mundo o anúncio da boa nova de Jesus Cristo.

Comunicar se tornou uma experiência vital, pois, a mídia está presente nas ruas, nas famílias, nas escolas, na Igreja, no mundo do trabalho, da cultura, do lazer e na política. Existe, hoje, o que podemos chamar de excesso de informações, que passam com velocidade pelas telas, pela voz e pelo papel e que , muitas vezes, nem chegam a ser digeridas. A técnica da comunicação é complexa e exige preparo constante dos que a usam.

Desde quando éramos uma Região Episcopal da Arquidiocese de São Paulo, tivemos o informativo“Grita Povo”que, com 133 edições, continuou sendo nosso veículo de comunicação nos primeiros anos de Diocese. A partir de 1994 passou a se chamar “Voz Diocesana”e que perdura até os nossos dias.

Para nós como Diocese, ter um pequeno informativo nesse mundo da comunicação informatizada é muito importante para informar, mostrar e documentar o nosso processo de caminhada como Igreja Particular de São Miguel Paulista que deseja buscar a unidade e fundamentar a nossa comunhão.

A partir de agosto começamos uma nova etapa, redimensionando a paginação de nosso informativo, tornando-o mais simples e adequado à maneira de informar em nossos dias permitindo leitura rápida, com textos enxutos, como requer a comunicação hoje. Para textos mais longos temos uma multiplicidade de outros meios.

É preciso ter bem claro que nenhum instrumento de comunicação, principalmente escrito, esgota toda a informação disponível e que interesse a todos as pessoas que queremos atingir. Nesse sentido, um meio de comunicação comum a um grupo, no caso a Diocese, deve procurar despertar, semear e fortalecer os laços de comunhão.

É função, também, do Informativo agendar compromissos comuns e remeter a outros meios de comunicação os interessados para bem se preparar para a difícil tarefa de comunicar aos homens e mulheres de boa vontade a força transformadora do Evangelho e o agir das comunidades de vida e de fé que formam, na unidade, a nossa Igreja.

Convidamos a todos, que tenham acesso à internet, que acessem o site da Diocese emwww.diocesesaomiguel.org.bronde se encontram muitas informações sobre a Igreja no mundo, no Brasil e no extremo leste da cidade de São Paulo.

Dom Manuel Parrado Carral