São Miguel celebra seu padroeiro

2016 09 padroeiro1

No domingo, dia 25 de setembro, às 19h00, com procissão pelas ruas do bairro e missa solene na Catedral, celebramos o padroeiro diocesano, São Miguel Arcanjo e os 394 anos da fundação do bairro de São Miguel Paulista. A celebração foi presidida pelo bispo diocesano, Dom Manuel Parrado Carral.

2016 09 padroeiro2.jpg

A festa foi precedida por novena preparatória abordando o tema da Exortação Apostólica Pós Sinodal do Papa Francisco Amoris Laetitia e contou com a presença de vários Bispos: Dom Luiz Antônio Guedes, Dom Paulo Mascarenhas Roxo, Dom Angélico Bernardino, Dom Benedito Beni dos Santos, Dom José Maria Saracho, Dom Fernando Legal, Dom Sérgio Aparecido Colombo, Dom Emilio Pignoli e Dom Pedro Carlos Cipollini.

Em sua homilia, Dom Manuel acolheu as autoridades e o povo presente. Destacou que, neste ano a celebração do padroeiro se reveste de um significado especial por estarmos celebrando o ano santo jubilar da misericórdia, tempo favorável para nos convertermos, procurando viver com coerência nossos compromissos de batizados. Refletiu sobre a mensagem do evangelho que nos apresentou a parábola do homem rico e do pobre Lázaro. Encerrou citando o Papa Francisco que muito alerta sobre a cultura do descartável e da indiferença diante de tantos lázaros de hoje quando fala do amor pelos pobres que está no centro do Evangelho.

Dom Angélico Sândalo Bernardino recebe homenagem

No dia 23 de setembro, às 20h00, na Catedral de São Miguel Arcanjo, dentro dos festejos do padroeiro diocesano e dos 394 anos do Bairro de São Miguel realizou-se uma sessão cívica de homenagem aos pioneiros. Este evento é uma parceria da Diocese de São Miguel Paulista com a Sub-prefeitura de São Miguel Paulista. Neste ano um dos oito homenageados foi Dom Angélico Sândalo Bernardino que por 14 anos esteve à frente da então Região Episcopal São Miguel.

2016 09 DomAngelico

A sessão foi aberta pelo Administrador Regional Prof. Adalberto Dias de Sousa. Coube a Dom Manuel Parrado Carral acolher os homenageados com seus convidados. Na acolhida o Bispo Diocesano enalteceu os homenageados que ajudaram e continuam colaborando na construção da história deste bairro e desta comunidade católica.

21ª Romaria Diocesana à Aparecida

“O seu nome é santo, e sua misericórdia se estende de geração em geração...”( Lc, 1,50)

2016 09 Aparecida4

Neste Ano Santo Jubilar da Misericórdia a Diocese de São Miguel Paulista realizou a 21ª Romaria Diocesana ao Santuário Nacional de Aparecida com celebração eucarística às 10h00, presidida por Dom Manuel com a presença de Dom Fernando, padres, diáconos e seminaristas de nossa Diocese. Participaram desta romaria mais de 12.000 romeiros.

2016 09 Aparecida1

Em sua homilia, o Bispo Diocesano lembrou aos fiéis que a romaria deste ano santo da misericórdia nos oferece a graça de passarmos pela Porta Santa. Jesus nos revelou que Ele é a porta e passar por ela significa aceitar Jesus na nossa vida, aceitar Jesus como nosso Senhor e nosso Salvador. Por isso, passar pela Porta Santa significa que a pessoa deseja seguir os ensinamentos de Jesus Cristo e proclamar a sua misericórdia, sendo misericordioso com os irmãos.

Penha de França celebra padroeira

2016 09 FestaPenha1

No dia 08 de setembro, o bairro da Penha de França celebrou festivamente a 349ª festa de Nossa Senhora da Penha, padroeira civil da cidade de São Paulo, com grande movimentação de fiéis durante todo o dia. A missa das 19h30 foi presidida pelo Bispo Diocesano com transmissão feita pela TV Canção Nova, seguida de procissão pelas ruas do bairro.

2016 09 FestaPenha

Em sua homilia, Dom Manuel realçou a festa litúrgica da natividade de Nossa Senhora lembrando que neste Ano Santo Jubilar da Misericórdia devemos saudar Maria como nossa Mãe e Rainha. Lembrou a Encíclica do Papa São João Paulo II sobre a Divina Misericórdia que cita Santo Afonso Maria de Ligório: “Maria é a tesoureira de todas as misericórdias que Deus quer dispensar-nos.”

Mensagem da CNBB por ocasião da comemoração do Dia da Independência

"A esperança não decepciona” (Rm 5,5)

cnbblogo
A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil – CNBB, por ocasião das comemorações de 7 de setembro, dia da Independência, reafirma que o Brasil é um país livre, soberano e religioso. É uma das dez maiores economias do mundo, território vasto e diverso, mais de 200 milhões de brasileiras e brasileiros. Testemunhas de uma história construída na diversidade, na tolerância e na convivência pacífica.

Contudo, vivemos um triste momento de nossa história. A ausência de valores éticos e morais provocou a profunda crise política, econômica e social que estamos atravessando. A histórica desigualdade social não foi superada. Corremos o risco de vê-la agravada pela desconstrução de políticas públicas, que resultam em perda de direitos.

Constatamos as dificuldades do momento, mas acreditamos na capacidade do povo brasileiro de superar adversidades, sempre através de manifestações pacíficas. Cada instituição é chamada a cumprir seus respectivos deveres, no Estado Democrático de Direito, atuando no que lhe é específico, em favor do povo brasileiro, nunca por interesses particulares ou corporativos. A Carta Magna de 1988, fruto de um processo de participação popular, guardiã da democracia brasileira, deve ser arduamente defendida.

Menos de um mês nos separam das eleições municipais. É uma oportunidade para nossa população falar através das urnas. Não percamos a chance de ter uma participação ativa e consciente que resgate a política e eduque para cidadania. Recordemos que se trata de uma eleição sem o financiamento empresarial e regida pela lei da Ficha Limpa, relevantes conquistas da sociedade brasileira.

“Gigante pela própria natureza... teu futuro espelha essa grandeza”.

O dia da pátria seja uma ocasião para reafirmar o compromisso de todo o povo brasileiro com a democracia, por meio do diálogo e da busca incansável pela paz, para construirmos juntos um Brasil fraterno e justo. A “esperança não decepciona” (Rm 5,5).

Nossa Senhora Aparecida, padroeira do Brasil, interceda por nós!

Brasília-DF, 07 de setembro de 2016

Dom Sergio da Rocha
Presidente da CNBB

Dom Murilo S. R. Krieger
Vice-Presidente da CNBB

Dom Leonardo Ulrich Steiner
Secretário-Geral da CNBB

Encontro de atualização do clero

O clero de São Miguel Paulista esteve reunido de 23 a 26 de agosto em Passa Quatro – MG, para o encontro anual de atualização teológico pastoral. O tema do encontro foi “A Constituição Dogmática Dei Verbum na perspectiva da Nova Evangelização”. A assessoria do evento esteve sob a responsabilidade do Pe. Romeu Izidório Leite, do clero da Diocese de Santo André. Estiveram presentes 70 padres, além de Dom Manuel, Dom Fernando e Dom José Maria.

2016-08 Clero2

O encontro transcorreu em um clima de descontração e fraterna convivência intercalando momentos de estudo, de oração, de descanso e de lazer.

Encontro com coroinhas, acólitos e cerimoniários

2016-08 Coroinhas 01

Encerrando o mês vocacional, no dia 28 de agosto, às 15h00, na Catedral de São Miguel Arcanjo, tomada por crianças, adolescentes e jovens acompanhados por seus coordenadores, foi realizado o encontro anual dos coroinhas, acólitos e cerimoniários da Diocese de São Miguel Paulista. O encontro foi preparado pela Pastoral Vocacional e foi presidido por Dom Manuel Parrado Carral.

2016-08 Coroinhas 02

Em sua homilia o Bispo Diocesano acolheu a todos, discorreu sobre a passagem do evangelho proclamado nesta celebração da Palavra retirado do Evangelho de Lucas que narra o episódio da viúva de Naim e relacionou o texto evangélico com as palavras do Papa Francisco dirigida aos jovens na vigília de oração na Jornada Mundial da Juventude em Cracóvia: “Para seguir Jesus é preciso trocar o sofá por um par de sapatos que te ajudem a caminhar por estradas nunca antes sonhadas”, tema escolhido para o encontro.