Crédito: jovensconectados.com.br

A cruz da Jornada Mundial da Juventude e o Ícone de Nossa Senhora será recebida pela Diocese de São Miguel Paulista no próximo dia 24 de setembro, sábado, e terá a seguinte programação:

24/09 – 12h00 – Celebração de acolhida na escadaria da Catedral de São Miguel Arcanjo.
             Animação: Banda Alegrai-vos;

             14h00 – Oração e Adoração da Cruz através da meditação, silêncio e reflexão do Evangelho,
                          Responsável: Taizé;

             16h30 – Rosário luminoso, com testemunhos de jovens;

             21h30 -  Missa presidida por Dom Manuel Parrado Carral.
                          Animação: Banda Arcas da Paróquia de São Francisco de Assis dos Pequeninos;

25/09 - 00h30  - Vigília de Louvor


              9h00  -  Missa de despedida presidida por Dom Fernando Legal.
              Na seqüência, seguirá para a Diocese de Mogi das Cruzes.

Observação: No dia 24 à noite, os portões da Catedral, por segurança, serão fechados às 22h00.

Leia breve explicação sobre a Cruz  e o Ícone de Nossa Senhora que acompanham as Jornadas Mundiais da Juventude

A Cruz

Uma cruz de madeira de 3,8 metros foi construída e colocada como símbolo da fé católica, perto do altar principal na Basílica de São Pedro, durante a Semana Santa de 1983 até a Semana Santa de 1984. O Beato Papa João Paulo II deu essa cruz à juventude, sendo recebida pelos jovens do Centro Juvenil Internacional São Lourenço, em Roma.

"Meus queridos jovens, na conclusão do Ano Santo, eu confio a vocês o sinal deste Ano Jubilar: a Cruz de Cristo! Carreguem-na pelo mundo como um símbolo do amor de Cristo pela humanidade, e anunciem a todos que somente na morte e ressurreição de Cristo podemos encontrar a salvação e a redenção", disse o Papa João Paulo II.

Desde 1984, a Cruz da JMJ peregrinou pelo mundo estando presente nas celebrações da Jornada Mundial da Juventude.

O Ícone de Nossa Senhora

Em 2003, na 18ª Jornada Mundial da Juventude, o Beato Papa João Paulo II presenteou os jovens com um segundo símbolo de fé para ser levado pelo mundo, acompanhando a Cruz: o Ícone de Nossa Senhora, uma cópia contemporânea de um antigo e sagrado ícone encontrado na primeira e maior basílica para Maria a Mãe de Deus, no Ocidente, Santa Maria Maior.

"Hoje eu confio a vocês o Ícone de Maria. De agora em diante, ele vai acompanhar as Jornadas Mundiais da Juventude, junto com a Cruz. Contemplem a sua Mãe! Ele será um sinal da presença materna de Maria próxima aos jovens que são chamados, como o Apóstolo João, a acolhê-la em suas vidas", disse o Papa.